Buscar
  • Gabriela Piccoli - Gestora de Talentos na BDR

5 dicas para um Onboarding acolhedor - e sem custos!

O início em um novo emprego gera muitas expectativas e uma certa ansiedade para o que vem por aí. “Será que meu chefe vai ser legal?”, “Como serão meus colegas de trabalho?”, “Quando será meu horário de almoço?” - Essas são algumas das muitas perguntas que passam na cabecinha de um novo membro da equipe quando recebe aquele tão amado “SIM” para a sua contratação.


É aí que entra o Onboarding, e melhor, Onboarding sem custos!



O Onboarding pode ajudar a esclarecer muitas dessas dúvidas e auxiliar na inclusão e adaptação de um(a) novo(a) colaborador(a)! Assim, quando essa nova pessoa chegar na empresa, ela já vai conhecer um pouco mais sobre a dinâmica da organização!


Quando bem feito, é capaz de proporcionar um maior alinhamento dos membros da equipe com a cultura da empresa, gerar mais engajamento e diminuir o turnover. E, o melhor, é que além disso, o onboarding causa uma primeira impressão super legal sobre a empresa. Alguma dúvida que esses processos de onboarding são super estratégicos?! ;)


Agora vou compartilhar com vocês algumas ações que praticamos aqui na BDR para tornar o onboarding super acolhedor! <3

Onboarding acolhedor e sem custos


DICA 1 - O onboarding começa a partir do “SIM”


Para muitas empresas, o processo de onboarding começa no primeiro dia de trabalho do novo membro da equipe. Porém, num onboarding super acolhedor, a dica é que esse processo se inicie a partir do “SIM” para a vaga! <3


Sabe aquele monte de documentação que você precisa solicitar para o(a) colaborador(a) antes do início dele(a)? Que tal fazer essa solicitação através de um e-mail personalizado, com uma arte legal desejando as boas-vindas?


A gente já sabe que o(a) novo(a) colaborador(a) está ansiosíssimo para conhecer a sua equipe de trabalho. Para ajudar nessa integração, você pode montar uma apresentação breve sobre a equipe e enviar para ele/ela já conhecer essa galera antes de começar! Também é possível fazer o contrário, fazendo uma apresentação sobre o novo membro da equipe e apresentá-lo para o time antes do início dele.


Viu que fácil? Essas ações são rápidas de fazer e sem custos, que demonstram um carinho enorme e fomentam a integração! <3

DICA 2 - Prepare-se para a chegada do novo membro da equipe!


Nós realizamos uma pesquisa com nossos seguidores do Instagram sobre o onboarding que eles tiveram nas empresas que trabalham e o resultado foi que - PASMEM - 50% das pessoas chegaram na empresa e não tinha nada especial, ou ninguém esperando por elas. Triste, né? =/


Nós já sabemos que esses primeiros momentos são cruciais para o engajamento do(a) novo(a) colaborador(a) na empresa. Além disso, todos nós gostamos de nos sentir bem-vindos aonde vamos, né?


Por isso, aqui vão algumas sugestões para você se preparar para a chegada dessa nova pessoa:


  • Crie todos os acessos do(a) novo(a) colaborador(a), como e-mail e login de ferramentas e sites que serão utilizados no dia-a-dia.

  • Elabore um documento que contenha todas as informações dos acessos criados e telefones de contato do líder e RH, para que o novo membro da equipe tenha mais autonomia.

  • Prepare um Welcome Kit com materiais de trabalho, como agenda, por exemplo. A forma como você entrega esses materiais fazem total diferença para a pessoa, então é legal colocar bastante carinho nisso!

  • Organize a estação de trabalho do novo membro da equipe, confira se ele possui tudo que será necessário para suas atividades. Caso o trabalho seja remoto, certifique-se de entregar todas as coisas necessárias na casa dele!

  • Em conjunto com o líder, crie a agenda de atividades da primeira semana do(a) novo(a) colaborador(a) e defina quem irá ajudá-lo(a) em cada uma delas. Assim, quando ele/ela chegar, vocês terão um cronograma para seguir!


DICA 3 - Um primeiro dia incrível!


YEY! Chegou o grande dia! Agora que você, seguindo as dicas anteriores, já organizou tudo que o novo membro da equipe precisa para realizar as suas atividades e preparou um cronograma, é hora da ação! \o/


Esteja esperando pelo(a) novo(a) colaborador(a)! Prepare um cafezinho e um ambiente legal para vocês conversarem! Nesses primeiros momentos você pode realizar uma apresentação sobre a empresa e falar sobre seus valores e cultura, para que o novo membro do time saiba mais sobre quem são vocês! Depois faça um tour pela empresa e o apresente para a equipe!


“Mas Gabi, e agora na pandemia? Como eu faço?” - Deixa que eu te ajudo! ;)


Olha, só porque o encontro não será presencial, não significa que não será especial, né? Porém, aqui o cronograma de atividades tem uma importância ainda maior!

Crie os links das salas de videoconferência para cada atividade do dia e compartilhe essa agenda com o(a) novo(a) colaborador! Assim ele/ela já sabe o que irá fazer e com quem irá conversar em cada horário!


Prepare o seu ambiente, escolha um local silencioso para que você consiga se concentrar na conversa! Para conversas remotas, o apoio visual é super bem-vindo! Você pode preparar slides para guiar esse bate-papo e deixá-lo mais dinâmico.


Combine uma videoconferência com a equipe para apresentar o(a) novo(a) colaborador(a) ao time! Essa apresentação pode ser aos pouquinhos ao longo do dia, viu?



DICA 4 - Alinhando as expectativas!


Já imaginou começar a trabalhar e não ter ideia de como fazer as coisas? Que pesadelo, né? Para evitar esse problema, durante o onboarding, é necessário realizar uma série de treinamentos sobre as atividades desenvolvidas na empresa e também indicar o que a se espera do(a) colaborador(a), para que ele fique ciente das expectativas sobre o seu trabalho!


Para auxiliar nos treinamentos, as empresas podem indicar “mentores”, ou seja, pessoas que já trabalham na empresa, que irão ensinar o(a) novo(a) colaborador(a) determinada atividade ou forma de trabalho e estarão disponíveis para ajudar. Assim você consegue realizar o compartilhamento de conhecimento e também ajudar na criação de laços entre pessoas da equipe!


Esses treinamentos, além de possibilitarem maior autonomia, são capazes de motivar o(a) novo(a) colaborador(a), pois o preparam para os seus desafios dentro da empresa, evitando aquele mini pânico! hahaha! :)


Tem dica para o home office também!


No home office, por não ser possível fazer o treinamento lado-a-lado, eles irão acontecer via videoconferência. Porém, para deixá-los menos cansativos, que tal utilizar recursos já disponíveis na internet? Existem muitos cursos online/tutoriais sobre vários assuntos e plataformas, e vários artigos legais. Vale a pena investir um tempinho na busca desse material para ajudar no treinamento!

DICA 5 - Feedbacks são importantes!


No ambiente organizacional, o feedback é um grande amigo da motivação, sabia? É importante que o(a) novo(a) colaborador(a) seja ouvido e que ele/ela tenha um retorno de como está se saindo em suas atividades! Nesse momento de aprendizado, o feedback os/as ajuda a conseguir saber onde precisam se desenvolver melhor e onde estão se saindo muito bem!


O mesmo funciona para o RH! Para saber se o onboarding foi de fato acolhedor, é preciso o feedback de quem foi recebido, né? Por isso, manter o canal de comunicação aberto torna-se mega necessário!


Pergunte para o novo membro da equipe como foi o seu dia, o que ele está achando de cada treinamento. Ouça seus feedbacks com atenção e peça dicas de melhorias para que o onboarding da sua empresa seja cada vez mais acolhedor!


Essa comunicação é capaz de fazer com que o(a) colaborador(a) se sinta uma parte importante da organização e saiba que a empresa valoriza a sua opinião! :)



Gostou das nossas dicas? Agora é só colocar em prática para uma experiência de trabalho ainda mais inesquecível! Vamos lá?! \o/ E para mais conteúdos incríveis como esse, fique de olho no nosso Blog!



141 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo